Conheça o jovem de 16 anos Halilovic: o novo Messi

Falar de crianças de 16 anos como futura estrela do futebol mundial é um enorme risco - são vários os exemplos de jovens diamantes mal aproveitados - mas vou abrir uma excepção para Alen Halilovic, que com apenas esta idade tem vindo a ser ligado a clubes como Man. United ou Real Madrid.

O miúdo natural de Zagreb, Croácia, por medir 1,64m e pelo seu jeito de jogar futebol tem sido apontado como o novo Messi e, sinceramente consigo ver as semelhanças.
É filho de um antigo internacional croata e está, neste momento, ao serviço do D. Zagreb, onde no final do último mês se tornou o futebolista mais jovem a participar e a marcar num jogo da divisão daquele país. Também já se estreou na Champions onde encontrou Ibrahimovic:

Joga como médio ofensivo e tem um talento assombroso: velocidade, finta curta, bom com os dois pés, bela visão de jogo e um remate bastante apurado fazem dele o legítimo sucessor de Modric.

Vale a pena ver o vídeo/resumo dos atributos deste jovem:


Read More

Reading 5-7 Arsenal: veja o vídeo do jogo inglês do ano

Grande jogo no Madejski Stadium, que viveu nesta terça-feira uma noite incrível de Taça da Liga Inglesa - não, não é um resultado de desempate por penalties.
Primeiro foram os adeptos do Arsenal a viver um pesadelo (com vários a sair do estádio com meia hora de jogo) pois os golos do Reading foram acontecendo com regularidade na 1ª parte e o resultado foi-se avolumando: Jason Roberts fez o 1-0 aos 12’, Laurent Koscielny marcou na própria baliza e fez o 2-0 (18’), Mikele Leigertwood apontou o 3-0 (20’) e Noel Hunt ampliou para 4-0 aos 37’.

Por esta altura o resultado não era só surpreendente: era um escândalo (o Reading é 18.º classificado na Premier League, com quatro pontos em oito partidas) e o Arsenal uma das equipas mais fortes do melhor campeonato do Mundo.

Mas o mais incrível estava ainda para vir: Theo Walcott reduziu a desvantagem ainda antes do intervalo e Olivier Giroud colocou o marcador em 4-2 aos 64 depois de um canto. Chegámos à parte louca do jogo aos 88 com o resultado em 4-2... Num esforço épico da equipa de Londres Laurent Koscielny (4-3 aos 89’ num canto) e Theo Walcott (4-4 aos 90’) estabeleceram o empate e garantiram o prolongamento.





A equipa de Arsène Wenger chegou pela primeira vez à vantagem aos 103’, com um golo de Marouane Chamakh. Mas Pavel Pogrebnyak ainda faria o 5-5 aos 116’, dando esperança aos adeptos do Reading.

E quanto já toda a gente se preparava para o desempate por pontapés de grande penalidade, surgiu o golo salvador de Theo Walcott, que em cima da hora repôs a vantagem (6-5) do Arsenal. Marouane Chamakh faria o 7-5 final, garantindo a vitória do Arsenal depois de ter estado a perder por 0-4, numa das maiores reviravoltas deste clube centenário.

Veja neste vídeo o resumo deste jogo que fica para a história desta época futebolística:


Read More

O King está de volta!

O verdadeiro Fura-Redes está de volta! O espectáculo da NBA regressa esta madrugada!


Read More

Parabéns Maradona! Recorde a carreira de El Pibe!

Hoje faz 52 anos um dos maiores jogadores de todos os tempos! Diego Armando Maradona, o argentino mais famoso do planeta!
O astro sul-americano, nascido em Buenos Aires, atingiu o máximo da sua carreira na selecção argentina nos Mundiais de 1986 e 1990, pois nunca ficou ligada muito tempo a um clube (apesar de ser considerado um Deus em todos os clubes por que passou). Sempre polémico, em 1986 levou, basicamente sozinho, uma Selecção sem grande valor ao maior troféu do Mundo do futebol. Nesse torneio, nos quartos de final, marcou aquele que, para mim, é o melhor golo de todos os tempos.

Recorde alguns vídeos de El Pibe, estes são mesmo daqueles que valem a pena!



Read More

Liga da Verdade: 7ª Jornada

7ª Jornada
Gil Vicente 0-3 Benfica (Vasco Santos)
-Expulsão contra o Benfica - nada a dizer sobre os dois cartões mostrados a Enzo Pérez.

Estoril 1-2 FC Porto (João Capela)
- Sem casos.

Sporting - Académica (Bruno Esteves)
- Ficou por marcar um livre indirecto dentro da área da Académica a favor do SCP aos 90+3 minutos.


6ª Jornada
Benfica 2-1 Beira-Mar (Rui Costa)
- Penalty duvidoso, não convertido, a favor do Benfica, aos 45 minutos. Maxi Pereira é albarroado por Collet mas fica a ideia que é o defesa encarnado que procura o contacto. Na minha opinião mal assinalado mas sem influência no resultado pois Rodrigo falhou o castigo máximo.
- Fora de jogo mal assinalado a Abel Camará quando este se isolava (com o marcador em 0-1).

FC Porto 2-0 Sporting (Jorge Sousa)
- Penalty mal assinalado a favor do FC Porto, não convertido, por mão de Cédric aos 55 minutos. Não existe qualquer intenção de jogar a bola com a mão e o lance não desvia a bola de ninguém do FC Porto. Claro lance de bola na mão. Sem influência no resultado porque Lucho atirou ao poste.
- Penalty mal assinalado a favor do FC Porto por suposta falta de Boulahrouz sobre Jackson, aos 82 minutos. Lance sem qualquer falta numa luta normal enquanto procuravam a bola que tinha acabado de ser enviada à trave por Mangala. James fez o 2-0 final na conversão do penalty.
- Expulsão a favor do FC Porto - Bem expulso Rojo (2 amarelos em 3 minutos perfeitamente evitáveis - só se pode queixar de si) mas critério do árbitro nos amarelos a roçar o ridículo. 10 amarelos para o SCP e 4 para o FC Porto muitos deles exagerados e na 1ª falta do jogador, acabando o FC Porto por ser mais beneficiado por este critério de pistoleiro.

5ª Jornada
Paços de Ferreira 1-2 Benfica (Marco Ferreira)
- Lance dividido na área do SLB, aos 37 minutos, com Hurtado a cair na área do Benfica num lance dividido com Maxi. Ficam dúvidas
- Penalty a favor do SLB por marcar - Aos 81 minutos, com o resultado em 1-2, claro lance de mão na bola de Cohene depois de remate de Gaitán. Cohene devia ter visto o cartão vermelho pois corta um golo.
Rio Ave 2-2 FC Porto (Bruno Esteves)
- Fora de jogo mal assinalado a João Tomás quando este ficaria isolado (46 minutos, com marcador em 0-1).
- Lance muito duvidoso na área do Rio Ave entre Kléber e Nivaldo, mas parece que o defesa chega primeiro à bola (89 minutos).
Sporting 2-2 Estoril (Nuno Almeida)
- Penalty contra SCP bem assinalado - Lance do 0-1 aos 45 minutos, claro penalty de Cédric sobre Luís Leal.
- Penalty contra o SCP não assinalado - Lance aos 27 minutos onde parece claro que Rojo trava em falta Luís Leal.
- Expulsão a favor do SCP - 2º amarelo a Gonçalo, minuto 61, por pedir amarelo para adversário.

4ª Jornada
Académica 2-2 Benfica (Carlos Xistra)
-Penalty contra SLB mal assinalado - No lance que origina o penalty que dá o 1-0, Maxi Pereira faz falta sobre Makelele sim, mas fora da área.
-Penalty contra SLB mal assinalado -  No lance que origina o penalty que dá o 2-1, Garay corta a bola antes de haver qualquer contacto com Hélder Cabral, não havendo razão para falta.
-Penalty e expulsão a favor SLB bem assinalados - Indiscutível que Rodrigo Galo corta a bola com o braço quando esta ia para o fundo das redes. Decisão acertada.

FC Porto 4-0 Beira-Mar (Manuel Mota)
-Sem casos

Sporting 2-1 Gil Vicente (Vasco Santos)
- Expulsão de Labyad muito forçada.

3ª Jornada
Benfica 3-0 Nacional (Bruno Esteves)
-Sem casos

Olhanense 2-3 FC Porto (João Ferreira)
-Sem casos mas muito mal ao deixar seguir Hulk, que se isolou, num lance de bola ao ar, sem deixar os jogadores do Olhanense discutirem a bola.

Marítimo 1-1 Sporting (Carlos Xistra)
- Sem casos

2ª Jornada
Vitória Setúbal 0-5 Benfica (Jorge Sousa):
- Expulsão a favor SLB- Aos 8 minutos, com 0-0 no marcador, expulsa Amoreirinha (vermelho direto) por falta dura sobre Melgarejo. Já aqui escrevi que para mim é uma decisão exagerada mas li vários jornais e vi vários comentadores dizerem que foi a decisão certa. E parece que houve um jogador do Nacional expulso, com vermelho direto, por uma entrada semelhante esta jornada.
- Golo a favor SLB mal validado - Assim, o maior erro da equipa de arbitragem foi, aos 14 minutos, no 1º golo do SLB, quando deixou Melgarejo cruzar para o golo em posição de fora de jogo. 
Teve mais um ou outro fora de jogo mal tirado mas já com o jogo decidido.

Sporting 0-1 Rio Ave (Marco Ferreira)
- Sem casos

FC Porto 4-0 V. Guimarães (Hugo Miguel)
- Penalty a favor por marcar do FCP- Com o resultado em 1-0 para os da casa, Hugo Miguel, não viu um penalty por mão na bola de N'diaye. Assinalou bem o penalty, sobre Moutinho, que deu o 4-0 final.

1ª Jornada
Benfica 2-2 Braga (Artur Soares Dias) :
- Penalty a favors SLB para o 2-2 indiscutível;
- Douglão (Braga) mal expulso no lance do penalty, não foi ele que fez a falta mas sim Custódio;
- Golo mal anulado a Cardozo com o marcador em 2-2.

Gil Vicente 0-0 FC Porto (Duarte Gomes) :
- Bem ao não marcar penalty por mão de Otamendi (lance de bola na mão);
- Penalty por marcar sobre Mangala, agarrão na área;
- Penalty por marcar sobre Kléber, agarrão na área;

V. Guimarães 0-0 Sporting (João Capela):
- Sem casos
Read More

André Gomes: a nova esperança encarnada!

O jovem André Gomes, de apenas 19 anos, teve um mês de Outubro para mais tarde recordar! Depois da sua estreia com a camisola do Benfica no jogo da Taça de Portugal, dia 18, com o Freamunde, em que entrou como suplente aos 65 minutos e aos 74 já se tinha estreado a marcar pela camisola vermelha, apareceu no jogo deste fim de semana como titular em Barcelos. Já seria um grande feito estrear-se com a camisola do Benfica com apenas 19 anos mas o jovem natural da cidade do Porto não se ficou por ai. Numa bela jogada de insistência e raça marcou o 3º golo do SLB na vitória sobre o Gil Vicente e tornou-se o 10º mais jovem autor de um golo do Benfica na principal prova portuguesa, feito em que fica à frente de nomes como Eusébio e Rui Costa.

André Gomes começou a sua carreira nas camadas jovens portuguesas no FC Porto, onde chegou em 2006 e chegou a ser capitão da equipa dos iniciados do rival do norte. Foi dispensado em 2008 e depois de 2 anos no Boavista chegou ao Benfica, em 2011, para cumprir o segundo ano de júnior, sendo logo nomeado capitão. Fez parte da equipa portuguesa que representou o nosso país no Europeu de sub-19 deste ano onde marcou 2 golos em 3 jogos.
Agora o médio centro já encanta na equipa sénior e o seu passado portista de nada importa para os benfiquistas que já lhe lançam uma bela carreira.
Eu sou um deles, gostei do que vi até agora, muita personalidade, não tem medo de assumir o jogo, passa a bola para a frente e aparece na área com categoria. Com o castigo de Enzo Pérez para o jogo de sábado espero que Jorge Jesus o lance, pela primeira vez, na Luz e como titular.

Para finalizar um pouco de história, aqui estão os mais jovens marcadores do Benfica no Campeonato Nacional:
Jogador Idade
Espírito Santo 17 anos e 72 dias
Hugo Leal 17 anos e 129 dias
Chalana 17 anos e 227 dias
Simões 18 anos e 17 dias
Manuel Fernandes 18 anos e 30 dias
Pepa 18 anos e 40 dias
Cândido de Oliveira 18 anos e 52 dias
Edgar 18 anos e 124 dias
Coluna 19 anos e 37 dias
André Gomes 19 anos e 89 dias
Eusébio 19 anos e 126 dias


Read More

Chelsea 2-3 Man. United: árbitro estraga grande partida

Estava marcada para esta tarde um dos jogos do ano na Premier League 2012/13: Chelsea vs Man. United. Os londrinos, líderes do campeonato, recebiam um dos grandes candidatos ao título com 4 pontos de vantagem e ainda sem derrotas. Partida delicada para os red devils pois uma derrota deixaria fugir os campeões europeus e logo no campo mais difícil para Alex Ferguson - é o único cube inglês que tem um registo positivo com o United desde que o escocês chegou a Old Trafford (13 vitórias contra 12) e já não vencia para a Liga, em Stamford Bridge, desde 2002.

O Chelsea apresentou: Cech; Ivanovic, Cahill, David Luiz, Cole; Ramires, Mikel; Mata, Oscar, Hazard; Torres. Di Matteo não podia contar com Lampard e John Terry e isso fez mossa. Já Alex Ferguson escolheu: De Gea; Rafael, Ferdinand, Evans, Evra; Carrick, Cleverley; Valencia, Rooney, Young; Van Persie - de fora ficaram Jones, Kagawa e Vidic por lesão.

O jogo começou com o Man. United forte mas, acima de tudo, um Chelsea adormecido e mal posicionado, a dar muito espaço no centro do meio campo defensivo. Aproveitou A. Young, Rooney e Van Persie para fazer a jogada de 1-0, sendo que o holandês rematou ao poste e a bola tabelou nas costas de David Luiz para dentro da baliza.
O Chelsea ainda reagiu com alguma posse de bola mas quem tem Van Persie tem golos, ainda por cima quando lhe dão tanto espaço no centro da área. Cruzamento rasteiro de Valência, quase do local do canto, sem ninguém cortar a bola, e o holandês de primeira não deu hipóteses.


Só aos 24 minutos o Chelsea começou a reagir com um remate à baliza - na sequência da 1ª falta do jogo!!!!! - num livre de David Luiz. Aos 35 J. Evans atirou a bola ao seu poste e na sequência deste lance Cahil quase reduz o marcador num canto. Estes lances fizeram crescer os blues e conseguiram mesmo reduzir a desvantagem aos 44 minutos num livre directo de Mata. Final de primeiro tempo louco com o Chelsea a não chegar ao empate, outra vez por Mata, devido a grande defesa de De Gea. Uma 1ª parte electrizante em Londres.

A 2ª parte começou com a mesma toada de jogo e aos 53 minutos Ramires já tinha empatado o clássico, depois de jogada de insistência na área do United, com Oscar a cruzar para o ex-Benfica marcar de cabeça. Parecia que a equipa da casa estava forte demais e a caminho do 3-2 quando com 63 minutos Ivanovic deixou Young fugir e fez falta para cartão vermelho. Pior ainda fez Torres, quando aos  69 minutos  viu o segundo amarelo e deixou o Chelsea a jogar com 9 - algumas dúvidas na expulsão do avançado espanhol.

Diria que 99% dos adeptos dos blues não acreditou que a sua equipa conseguiria aguentar o empate com 9 jogadores e Javier Hernández confirmou esses medos. Jogada de Van Persie, quem mais?, e Chicharito a aproveitar uma situação de claro fora de jogo para adiantar de novo os reds de Manchester. Que pena o jogo ser manchado pelos erros do árbitro Mark Clattenburg...

Man. United vence então este teste decisivo e deixa a Premier League ao rubro: Chelsea ainda líder mas apenas com 1 ponto de vantagem dos dois gigantes de Manchester.
E para aqueles comentadores portugueses que tantas vezes oiço dizer que só em Portugal se refila tanto com os árbitros, e que em Inglaterra é que é, convido-os a darem uma olhadela a blogs de futebol ingleses hoje à tarde... Um Domingo trágico para a arbitragem daquele país, com graves problemas nos dois clássicos do dia.
Read More

Ola John nomeado para o Golden Boy 2012

A Liga Zon Sagres tem 3 nomeados, entre 30, para o prémio Golden Boy 2012. Prémio entregue pelo jornal Tuttosport, para jogadores com menos de 21 anos, e que, desde 2003, premiou jovens como Van der Vaart, Rooney, Messi, Fàbregas, Aguero, Anderson, Pato, Balotelli e Gotze.

Christian Atsu (FC Porto), Ola John (Benfica) e Lalkovic (V. Guimarães, emprestado pelo Chelsea) são os jogadores do campeonato português escolhidos para a votação, que será decidida com base nos votos de 30 jornalistas do Tuttosport. Para além dos italianos votam jornais como: Équipe, Marca, A Bola, Bild, The Times, De Telegraaf, Mundo Deportivo, France Football, Sport Express, Blick and Ta Nea.

Conheça então os nomes para a votação deste ano:
Alaba (Bayern Munique)
Ananidze (Spartak Moscovo)
Atsu (FC Porto)
Bahebeck (Troyes)
Joel Campbell (Betis)
Castaignos (Twente)
Courtois (Atlético Madrid)
Coutinho (Inter)
Deulofeu (Barcellona)
Draxler (Schalke 04)
Dudu (Dinamo Kiev)
El Shaarawy (AC Milan)
Eriksen (Ajax)
Gotze (Borussia Dortmund)
Guidetti (Man. City)
Isco (Malaga)
Jesé (Real Madrid)
Ola John (Benfica)
Kadlec (Sparta Praga)
Koke (Atlético Madrid)
Kovacic (Dinamo Zagreb)
Lalkovic (V. Guimaraes)
Lamela (Roma)
Jurgen Locadia (PSV Eindhoven)Samuele Longo (Espanyol)
Markovic (Partizan Belgrado)
Martins Indi (Feyenoord)
Muniain (Athletic Bilbao)
Ahmed Musa (CSKA Moscovo)
Obiang (Sampdoria)
Oxlade Chamberlain (Arsenal)
Ozdoev (Lokomotiv Moscovo)
Pogba (Juventus)
Mohamed Salah (Basileia)
Shelvey (Liverpool)
Sterling (Liverpool)
Varane (Real Madrid)
Verratti (PSG)
Xhaka (Borussia M'Gladbach)
Read More

Gil Vicente 0-3 Benfica: encarnados cantam de galo!

Hoje, em Barcelos, os benfiquistas viravam as atenções para o Campeonato depois de terminada a corrida eleitoral que reelegeu Luís Filipe Vieira. Previa-se uma deslocação difícil nesta 7ª Jornada pois o Gil Vicente costuma colocar dificuldades aos grandes no seu reduto - já tinha roubado 2 pontos ao FC Porto nesta Liga Zon Sagres. Mas, com a melhor exibição da época, o Benfica transformou o jogo numa vitória com elevada nota artística, um pouco ao jeito do que tinha feito na pré-época quando foi à cidade do Galo ganhar por 5-2.

Jorge Jesus promoveu várias alterações no 11 titular, com algumas surpresas face aos jogadores que tem escolhido nesta temporada. Assim, jogaram de início os seguintes jogadores: Artur, Maxi, Garay, Jardel, Luisinho, Matic, Enzo Pérez, André Gomes, Ola John, Lima, Cardozo. Deu uma oportunidade a Luisinho para tirar o lugar a Melgarejo, de Ola John provar que tem lugar no plantel e de André Gomes fazer sonhar os benfiquistas com um novo craque no meio campo vindo da formação. Inventou, sim, mas hoje correu tudo bem e há que dar os parabéns a JJ pelas apostas que fez - importante mostrar que o plantel tem alternativas reais aos titulares.
Foi uma 1ª parte muito boa da equipa de Lisboa, com futebol muito trabalhado e envolvente, muitos passes certos, sendo que o Gil Vicente não teve uma única oportunidade de golo nos 45 minutos. Para este domínio muito contribuiu o facto de o primeiro remate que os encarnados fizeram ter acabado no fundo das redes: grande arrancada de Enzo Pérez, desde o meio campo, a colocar na direita e Maxi de primeira a fazer um cruzamento/assistência perfeita para Lima de cabeça não dar hipótese. Fundamental entrar a marcar!

Depois aos 14 minutos Ola John ameaçou num grande remate o que Luisinho fez aos 27: o 2-0! Uma  jogada de livro começada pelo lateral português, com Lima a tabelar com André Gomes, e o brasileiro, já dentro da área, a colocar a bola atrasada para Luisinho marcar o seu primeiro golo com a camisola das águias. Foi preciso esperar mais de um ano e sete meses para um jogador português voltar a facturar pelo Benfica na Liga ZON Sagres - o último tinha sido Nuno Gomes.

Já nos descontos o SLB acabou com a partida apontando o seu 3º golo pelo jovem de 19 anos André Gomes, culminando uma primeira parte em que fez tudo bem. O português marcou o seu 1º golo na sua estreia no campeonato, depois de ter feito o mesmo na Taça de Portugal, numa jogada começada por Enzo em que o médio formado no Seixal nunca desistiu e ganhou duas vezes a bola a defesas adversários. 

A 2ª parte continuou com o SLB por cima, com Lima muito influente no apoio à construção (tipo pivot), Enzo Pérez fortíssimo e Ola John a mostrar alguns rasgos de qualidade - foi dele a primeira oportunidade de golo desta metade do jogo. Foi pena a expulsão de Enzo aos 70 minutos que tirou a iniciativa de jogo ao Benfica e fez com que o Gil Vicente subisse em campo pela primeira vez - obrigou Artur a defender para a trave aos 78 minutos por exemplo.

Esta temporada Benfica apresenta-se com um ataque muito concretizador na Liga e é só a quinta vez na história do Campeonato Nacional (o ano passado uma delas, 1972/73, 1946/47 e 1944/45), que cumpriu as primeiras 7 jornadas sempre a marcar pelo menos 2 golos.

Homem do jogo: Lima, marcou o 1º golo e fez a assistência para o 2º e como se não bastasse foi o centro de toda a construção ofensiva encarnada. Gostei de Enzo Pérez e das três novidades deste jogo, André Gomes muito maduro, Luisinho não falhou um corte e fez muitos e Ola John foi o melhor jogador da 2ª parte.
Read More

O petardo!

Não costumo falar de violência e problemas com claques aqui no Fura-Redes porque não gosto de dar importância a situações que não trazem beleza ao futebol. Mas o que se passou ontem na tomada de posse de Luís Filipe Vieira foi uma vergonha. Insultos e assobios já seria péssimo mas lançar um petardo quando estavam a ser anunciados os resultados deixou-me com uma séria irritação.

Pode-se não gostar, pode-se achar que a vitória de uns é uma derrota para o Benfica, pode-se achar que LFV está a enterrar o Benfica mas tem que se respeitar a vontade dos sócios, que ontem, foi esmagadora. Numas eleições com mais de 22 mil votantes, quando um candidato tem 83% dos votos só há um caminho em democracia: aceitar! Gente que canta o Benfica é nosso e acha que um grupo de 20 é mais importante que um grupo de 22 mil não faz falta no SLB.

Bem seguimos em frente, seguimos para Barcelos, onde o Benfica joga hoje com o Gil sem Aimar, Salvio e Gaitán. Felizmente as eleições terminaram mas hoje problemas pela frente...
Read More

3+1+50 = Luís Filipe Vieira reeleito!

Luís Filipe Vieira venceu as eleições do Benfica e torna-se o Presidente do SLB que serviu mais tempo no cargo máximo do Estádio da Luz. O lisboeta de 63 anos chegou ao clube em 2001, pela mão de Vilarinho para depois, em 2003, lhe suceder como homem forte do maior clube de Portugal. Uma grande vitória de LFV com 83,02% dos votos contra 13,83% de Rui Rangel! 3,15% dos sócios votaram em branco (sinceramente estava à espera de mais votos em branco).

Numa grande demonstração de democracia milhares de sócios exerceram a sua opção tendo votado maioritariamente no Pavilhão 2 da Luz, mas também em Famalicão, Coimbra, Évora, Faro e no estrangeiro através do site do clube. Grande imagem de maturidade que foi dado pelos benfiquistas que bateram o novo recorde de sócios votantes nas eleições de um clube em Portugal: 22676 são o número de votantes que ficam para um dia histórico de benfiquismo.
Estes 22676 transformam-se em 464941 votos, sendo que 385988 dizem respeito à Lista A, encabeçada por Vieira, enquanto 64299 se referem à lista de Rui Rangel.

Durante a campanha deixou algumas ideias para estes 4 anos que, desta vez, terão de ser cumpridas - chega de promessas desportivas não tornadas realidade, principalmente no futebol:

- 1+3+50 - 1 final europeia, 3 campeonatos, 50 campeonatos nas modalidades nos próximos 4 anos;
- Baixar os preços do Red Pass e das cotas;
- Passar os direitos televisivos dos jogos do campeonato no Estádio da Luz para a Benfica TV, rasgando com a Olivedesportos;
- Lançar a Rádio Benfica

Fica assim eleita a Lista A, até 2016, que passo a nomear:

Assembleia Geral:
Presidente: Luís Nazaré
1.º Secretário: Virgílio Vieira
2.º Secretário: Jorge Arrais
Secretário (suplente): Ricardo Martorell

Conselho Fiscal:
Presidente: Afonso Henriques
Vice-presidente: Rui Barreira
Vogal: Gualter Godinho
Vogal: João Quinta
Vogal: José Manuel Appleton
Vogal (Suplente): João Paço

Direcção:
Presidente: Luís Filipe Vieira
Vice-Presidente: Rui Cunha
Vice-Presidente: Rui Gomes da Silva
Vice-Presidente: Domingos Lima
Vice-Presidente: José Eduardo Moniz
Vice-Presidente: Nuno Gaioso
Vice-Presidente: João Varandas Fernandes
Vice-Presidente (Suplente): Alcino António
Vice-Presidente (Suplente): Sílvio Cervan
Read More

O legado democrático do Benfica

Hoje, terminada a campanha eleitoral, que nem sempre foi realizada com o tom elevado que se pedia, é dia de enaltecer a tradição democrática do Sport Lisboa e Benfica. Mesmo durante a longa ditadura portuguesa no Benfica havia eleições anuais. Foi o SLB que organizou pela primeira vez em grande escala em Portugal, o voto eletrónico.
É uma tradição que vem desde a nossa fundação, com diversos números, disponibilizados no site do clube, a confirmarem o pluralismo existente no Clube. Ora vejamos:

- 85 actos eleitorais
- 65 eleições para mandatos anuais (1904 a 1966)
- 41 mandatos eleitorais
- 33 presidentes da direcção
- 11 eleições para mandatos bienais (1967/1969 a 1987/89)
- 9 eleições para mandatos trienais (1989/92 a 2009/12)

Uma mística que é bom que todos se lembrem na altura de vencer e perder. Logo à noite passamos outra vez (felizmente) a ser todos benfiquistas e apenas isso!


Read More

Vieira ou Rangel? Deixem as vossas opiniões

Confesso que ainda estou indeciso no meu sentido de voto para amanhã... Depois de uma campanha eleitoral com demasiados ataques pessoais muito pouco foi discutido sobre futebol!
Bem mas caros leitores benfiquistas, e não só, deixem a vossa escolha e a razão aqui no Fura-Redes por favor!


Read More

O ninho da águia faz 9 anos!

Já faz 9 anos! Já faz 9 anos que se inaugurou o Estádio da Luz! Já faz 9 anos que entrei pela primeira vez no novo ninho da águia! Lembro-me como se fosse hoje de subir as escadas de acesso ao 3º anel e da primeira imagem do Estádio: com sorriso gigante na cara pensei "É Grande!"

A 25 de Outubro de 2003, num jogo amigável em que defrontou os uruguaios do Nacional de Montevideo, o SLB  inaugurou o seu novo recinto com 64.386 espectadores nas novas bancadas. Nuno Gomes marcou os dois golos do triunfo encarnado, por 2-1, e ficou para a história do clube da águia. Lembro-me bem dos golos e do fogo de artifício! Uma noite maravilhosa! Nesse dia até consegui entrar no hotel onde o plantel estava e recolhi vários autógrafos tendo até estado ao lado do Rei Eusébio! Inesquecível!

No dia 2 de Novembro de 2003, 8 dias depois, a estreia oficial não correu como esperado e o SLB estreou-se na nova casa com uma derrota frente ao Beira-Mar, por 1-2, com Simão Sabrosa a marcar, ao minuto 41, o primeiro golo oficial encarnado.
Desde lá para cá já se realizaram 244 jogos encarnados neste recinto, 475 golos e já passaram mais de 9 milhões de adeptos por aquelas cadeiras. Tendo de escolher uma noite marcante deste Estádio escolho uma que nem teve jogo de futebol: dia 22/05/05, noite em que vi, às 4 da manhã, a Catedral a rebentar pelas costuras para receber os campeões nacionais depois do empate no Bessa! 


Read More

Se vencer as eleições LFV rompe com a Sporttv

Ora ai está o eleitoralismo ao rubro, foi anunciado pela SIC e pelo jornal Abola, que se Luís Filipe Vieira for eleito os jogos do Benfica no Estádio da Luz para o Campeonato Nacional deixam a Sporttv e vão para a Benfica TV. Dantes prometiam-se jogadores agora espera-se até a dois dias das eleições para anunciar decisões desta importância.
No entanto, esta mudança de rumo e de monopólio da Olivedesportos não deixa de ser uma boa notícia. Já há muito tempo que aqui o defendi (AQUI) e fico contente que o homem forte do clube do qual sou sócio tenha decidido por este rumo na decisão dos nossos direitos televisivos.
A chamada de José Eduardo Moniz já indicava este caminho que agora se confirma.


Confesso que não gosto do timing do anuncio, claramente à procura do voto, mas parece que é um trunfo importante que pode deixar Rangel fora da corrida pelo cadeirão do Estádio da Luz. Os sócios do Benfica estão cansados dos comentários muito azulados do canal de Joaquim de Oliveira e de este tratar o SLB, em termos de valor do contrato, muito a baixo do que a marca Benfica vale. Será com certeza um projeto arriscado mas penso que com a máquina de marketing que LFV construiu em Benfica o risco de um insucesso é baixo.

O Presidente do Benfica acaba de confirmar esta decisão em entrevista no canal SIC, apresentando um estudo para sustentar esta decisão e diz que rejeitou proposta de 22.5 milhões da Olivedesportos.
Read More

SLB sofre 70% dos golos pelas laterais. Veja os nº

São números que dão que pensar em todo o processo defensivo da equipa do Benfica. Estava cansado de ver jogadas que dão golos dos nossos adversários pelas laterais e deixo aqui a estatística referente a esta época:

Golos sofridos
Erro defensivo
Spartak Moscovo
Mau posicionamento na lateral esquerda: cruzamento e jogada naquele sector. AUTO-GOLO Jardel
Spartak Moscovo
Jogada pelo centro com equipa balanceada para o ataque. Todo o sector defensivo desposicionado, principalmente, Maxi Pereira na direita
Beira-Mar
Bola parada e saída em falso de Artur
FC Barcelona
Jogada de Messi pelo centro, bola colocada na lateral direita para Fàbregas marcar
FC Barcelona
Jogada pela direita de Messi e cruzamento para emenda na pequena área
Paços de Ferreira
Jogada e cruzamento na lateral direita para emenda no centro da área
Académica
Penalty. Cometido por Maxi Pereira
Académica
Penalty. Cometido por Garay, depois de jogada pelo centro
SC Braga
Mau alívio de Melgarejo na esquerda, golo no centro da área
SC Braga
AUTO-GOLO Melgarejo. Depois de jogada e cruzamento na lateral direita

Chego assim ao número de 7 golos causados por problemas nas laterais (2 deles com a jogada a passar pelo centro defensivo), quase sempre posicionais, num total de 10 golos sofridos. E a questão é que os 3 restantes são lances de bola parada! Destes 7 atribuo 4 deles a problemas defensivos na zona de Maxi Pereira e 2 a Melgarejo. E já nem falo de Maxi no penalty que cometeu em Coimbra.


Depois da saída de Javi Garcia e Witsel seriam de esperar problemas de posicionamento no meio campo defensivo mas está visto que o mecanismo que a equipa não está a saber corrigir são as compensações das subidas dos médios alas e dos defesas laterais. Ao ver estes vídeos dos golos sofridos vejo repetidamente a bola ser colocada nas costas de Maxi para um cruzamento dar golo no centro da grande área. É altura de Jorge Jesus corrigir esta situação.
Read More

Spartak Moscovo 2-1 Benfica: preocupante exibição

SL Benfica de volta à Liga dos Campeões para defrontar o Spartak em Moscovo, depois da derrota na Luz com o Barcelona e do empate em casa do Celtic. Para este jogo seria fundamental não perder para depois em casa carimbar a passagem aos oitavos. Pois a equipa encarnada perdeu mesmo...
Jorge Jesus, sem Aimar e Luisão, a apostar em: Artur, Maxi, Jardel, Melgarejo, Matic, Enzo Pérez, Bruno César, Salvio, Rodrigo e Lima - voltando à tática de 2 pontas de lança que tantos dissabores já lhe deu nos jogos fora para esta competição.
Do outro lado, várias ausências e o treinador Unai Emery a ter que utilizar o 3º GR do plantel, sendo que a sua equipa vinha de 3 derrotas seguidas. Mas nada disto se notou numa 1ª parte deprimente do SLB.

Spartak de Moscovo a entrar na partida com tudo e a conseguir logo no 1º minuto um remate de cabeça muito perigoso para defesa apertada de Artur. O problema foi que o Benfica não ligou a este aviso e, devido a uma desorganização total da defesa, depois de perda de bola de Matic, sofreu o 1-0 logo aos 4 minutos, quando Rafael Carioca se isolou à vontade (onde estava Maxi?) e bateu fácil Artur.

Benfica só apareceu em Moscovo aos 14 minutos com um bom remate de Rodrigo depois de boa jogada de Salvio. Mas esta primeira meia hora só trouxe calafrios para os benfiquistas, sem qualquer ideia de jogo, a marcar pontapés de canto de forma displicente e a ver os russos a trocar a bola. Aos 24 minutos, outra vez nas costas de Maxi, Aris a rematar à trave depois de um cruzamento largo. 

A equipa lá acordou e Matic, que perdeu muitas bolas no meio campo, foi à área aos 30 minutos, na sequência de um lançamento lateral bombeado, rematar para grande defesa de Rebrov. Desta vez foram os russos que não ligaram ao aviso e passados 2 minutos, depois de mais um canto mal marcado, Salvio recuperou e fez um cruzamento milimétrico para Lima empatar o jogo de cabeça ao 1º poste. Sem muito justificar neste jogo o Benfica lá marcava o seu primeiro golo nesta Liga dos Campeões.

Até ao intervalo voltaram os russos ao domínio de jogo obrigando Artur a defender vários remates para canto. Só não conseguiu defender um remate do seu colega Jardel, depois de um buraco no lado esquerdo da defesa, que deu um auto golo e a vitória à equipa da casa.
1ª parte muito fraca a fazer lembrar os jogos fora da equipa de Jorge Jesus na primeira participação do Benfica na Champions com o treinador português ao leme.

A equipa portuguesa entrou bem mais organizada nos segundos 45 minutos e teve boa chance para empatar aos 53 minutos depois de jogada de Bruno César. Resposta imediata do Spartak com Artur a impedir o 3-1 por duas vezes e mais uma série de boas trocas de bola no meio campo do Benfica que muitas vezes esteve completamente vazio.

Jorge Jesus tentou mudar o rumo da partida com as entradas de Cardozo e Caitán aos 65 minutos - tirando Bruno César e Rodrigo. A estas mudanças respondeu Salvio, 2 minutos depois, com uma grande oportunidade na cara de Rebrov mas a bola passou ao lado... Partiu a equipa para a melhor fase do jogo e nos últimos minutos encostou por completo o Spartak à sua área, grande hipótese para Lima nesta fase mas o golo não chegou.

Para mim o melhor em campo foi Artur o que quer dizer algo; gostei da entrada em campo de Gaitán. Derrota que transforma esta fase de grupos na pior participação do Benfica nesta etapa da Champions - 1 ponto à 3ª Jornada só em 2006/07. A verdade é, como Jorge Jesus diz, se o Benfica vencer os próximos dois jogos e o Barcelona também fizer o pleno, o SLB chega à última jornada apurado.
Read More

Histórico do Benfica na Rússia

O Benfica joga hoje na Rússia, em Moscovo, contra o Spartak em jogo a contar para a 3ª jornada do Grupo G da Liga dos Campeões. A partida é as 17h de Lisboa e esperam-se temperaturas a rondar os zero graus, para além do jogo se realizar em piso sintético. O jogo, transmitido na Sporttv, é decisivo para a época do clube da Luz na Champions depois de só ter somado 1 ponto nos dois primeiros jogos.


Esta será o 6º jogo do SLB em terras russas, com um saldo de 1 vitória-2 empates-2 derrotas.
A história do SLB em terras soviéticas começou ainda no tempo da URSS, 1977/78, para a Taça dos Campeões, com um empate a 0 contra Torpedo Moscovo (que daria a vitória na eliminatória). Já no tempo da Federação Russa, em 1992/93, mais um empate, neste caso com o Dinamo de Moscovo a 2 bolas, para a Taça UEFA. A primeira vitória surgiu em 1996/97: 3-2 contra o Lokomotiv Moscovo, para a Taça dos Vencedores das Taças.
As derrotas surgiram nos últimos dois jogos que os encarnados lá fizeram: 2-0 com o CSKA, em jogo para a Taça UEFA (única eliminatória em que o Benfica foi eliminado), em 2004/05; e 3-2 com o Zenit S. Petersburgo na última temporada (apesar da derrota o Benfica viria a classificar-se para os quartos de final com uma vitória por 2-0 em Lisboa).

Como se conclui por este historial é a 1º vez que Benfica e Spartak se defrontam nas provas da UEFA ou que o SLB defronta equipas russas numa fase de grupos.

No total dos jogos com formações do país dos czares o SLB  tem: 10 jogos: 4 vitórias - 4 empates - 2 derrota; 13-10 em golos.

Read More

Os Presidentes do Benfica

As eleições no Benfica estão ao rubro mas eu deixo-vos aqui um bocado de história, pois o Benfica é o mais importante e apesar de todos os nomes que a seguir refiro, apesar de alguns quererem a lista A e outros quererem a lista B, o Benfica é eterno e independente de lutas eleitorais! Como sócio vou exercer o meu direito de voto na 6ª feira mas penso que cada benfiquista é mais do que capaz de escolher por si próprio. Neste blog não terão campanha eleitoral, só informação...

Fiquem com os 34 nomes que já tiveram a honra de ser Presidente do Sport Lisboa e Benfica, e acrescento, com base no trabalho do blog Em Defesa do Benfica, os títulos de campeão nacional que cada Presidente ajudou a conquistar:

1º: José Rosa Rodrigues (1904-1906) - Grupo Sport Lisboa
2º: Dr. Januário Barreto (1906-1909)
- Grupo Sport Lisboa
3º: Luís Carlos de Faria Leal (1906-1907) - Grupo Sport Benfica
4º: João José Pires (1909-1910)
5º: Alfredo Alexandre Luís da Silva (1910-1911)
6º: António Nunes de Almeida Guimarães (1911)
7º:
Alberto Lima (1911-1912/1912-1915) 
8º: José Eduardo Moreira Sales (1912)
9º: José Antunes dos Santos Junior (1915-1916)
10º: Felix Bermudes (1916/1945-1946) - 1 Campeonato Nacional
11º: Nuno Freire Themudo (1916-1917)
12º: Bento Mântua (1917-1926)
13º: Alberto Ávila de Melo (1926-1930)
14º: Manuel da Conceição Afonso (1930-1933/1936-1938/1946) - 2
Campeonatos Nacionais
15º: Vasco Rosa Ribeiro (1933-1936) - 1 Campeonato Nacional
16º: Júlio Ribeiro da Costa (1938-1939)
17º: Augusto da Fonseca Júnior (1939-1945) - 2 Campeonatos Nacionais
Interino António Afonso da Costa e Sousa (1945-1947)
18º: João Tamagnini de Sousa Barbosa (1947-1949)

19º: Mário Lampreia de Gusmão Madeira (1949 -1951) - 1 Campeonato Nacional
20º: Joaquim Ferreira Bogalho (1952-1957)
- 2 Campeonatos Nacionais
21º: Maurício Vieira de Brito (1957-1962) - 2 Campeonatos Nacionais + Taça Campeões Europeus
22º: António Fezas Vital (1962-1964) - 1 Campeonato Nacional + Taça Campeões Europeus
23º: Adolfo Vieira de Brito (1964-1965 / 1967-1969) - 4 Campeonatos Nacionais
24º: António Catarino Duarte (1965-1966)
25º: José Ferreira Queimado (1966-1967/1977-1981) -
2 Campeonatos Nacionais
26º: Borges Coutinho (1969-1977) - 6 Campeonatos Nacionais
27º: Fernando Martins (1981-1987) - 2 Campeonatos Nacionais
28º: João Santos(1987-1992) - 3 Campeonatos Nacionais
29º: Jorge de Brito (1992-1994)
30º: Manuel Damásio (1994-1997) -
1 Campeonato Nacional
31º: João Vale e Azevedo (1997-2000)
32º: Manuel Vilarinho (2000-2003)
33º: Luís Filipe Vieira (2003 - ?) -
2 Campeonatos Nacionais
Read More

IBM

Temas

2011 2011/12 2012 2012/13 2013 2013/14 2014/15 2015/16 2016/17 2017/18 2ª Divisão A Bola A Magia do Futebol AC Milan Academia Seixal Académica Adeptos Agenda Aguero Aimar Ajax Alemanha Alex Ferguson Alex Sandro Amigável análise tática Andebol Anderson Talisca André Gomes André Silva Andrea Pirlo Angola Aniversário Antevisão António Salvador Anzhi Apagão Apito Dourado arbitragem árbitro Argentina Arouca Arsenal Artur Artur Soares Dias AS Roma Atlético Madrid Atletismo auto-golo Balotelli Barcelona Basquetebol Bayer Leverkusen Bayern Munique Beckenbauer Beira-Mar Belenenses Benfica Benfica B Benfica Campeão Benfica TV Bernardo Sassetti bilhetes Blatter Blogs Blogs Benfica Blogs Futebol Boavista Boca Juniores Bola de Ouro Bolt Borussia Dortmund Bota de Ouro Boxing Day Braga Brasil Brasileirão Bruno Alves Bruno César Bruno de Carvalho Bruno Paixão Buffon Bundesliga C. Ronaldo Calendário Campeão Campeonato Alemão Campeonato Argentino Campeonato Brasileiro Campeonato da Europa Campeonato da Europa 2016 Campeonato do Mundo Campeonato do Mundo de Clubes Campeonato Escocês Campeonato Espanhol Campeonato Holandês Campeonato Italiano Campeonato Maicon Campeonato Nacional campeonatos europeus CAN Canoagem Capdevilla Cardinal Cardozo Carlo Ancelotti Carlos Martins Casagrande Casillas Caso e-mails Caso vouchers Cavani Cech Celtic Glasgow Chalana Champions Chelsea Chicotada Ciclismo clássico Coluna Conselho de Arbitragem Conselho de Disciplina contas título contrato Copa do Mundo 2014 Copa dos Libertadores Corinthians corrupção Cosme Damião CR7 Cristiano Ronaldo crónica futebol D. Kiev David Beckham David Luiz De Gea Defeso Del Piero derby Derby della Madonnina Desportivo das Aves Desportivo de Chaves Desporto Di Maria Di Matteo Diego Costa Direitos TV Djuricic Domingos Doping Doyen Sports Drogba Éder Ederson El Pibe Eleições Eliseu Emerson Enke Enzo Pérez Equipa Equipas B Eredivisie escândalo Escutas Espanha Estádio da Luz Estádio de Alvalade Estádio do Jamor Estádio Dragão Estatísticas Estoril Estrelas do Futebol Euro 2004 Euro 2012 Euro 2016 Eusébio Eusébio Cup Everton FA Cup Fábio Coentrão Fair Play Fair Play financeiro Falcao FC Porto FCP Federação Portuguesa Futebol Fédération Internationale de Football Association Fehér Fernando Gomes Fernando Pimenta e Emanuel Silva Fernando Santos Fernando Torres FIFA Final Final Euro 2016 Final Liga dos Campeões Final Liga Europa 2012/13 Final Liga Europa 2013/14 finanças Fintas Flamengo Fluminense Football Leaks FPF França França 2016 Funny Football Fura-Redes Futebol Internacional Futebol Mundial Futebol Nacional Gaitán Galatasaray Garay Gareth Bale Gianni Infantino Giggs Gil Vicente Glorioso SLB Golden Boy Golo de Bicicleta Golo de Calcanhar Golo de Livre golo do ano Golo do Dia Golo Fantasma Gonçalo Guedes Grimaldo Guarda-Redes Guardiola Gyan Hat-Trick História Holanda Hóquei em Patins Hulk Ibrahimovic IFFHS Inferno da Luz Inglaterra Iniesta Inter International Board Itália Jackson Martínez James Rodríguez Jardel Jardel (33) Javi Garcia Jimmy Hagan JJ JO Joaquim Oliveira jogadores Benfica Jogos Olímpicos Johan Cruyff John Terry Jonas Jorge Jesus Jorge Mendes Jorge Sousa Jornal Jornal Record José Gomes José Mourinho José Pratas jovem promessa Júlio César juniores Jupp Heynckes Juventus Kaká Kardec Kelvin Klose Kompany La Liga Lampard Lazio Lázio Lebron James Leicester Leis do Futebol Léo Leonardo Jardim lesões Lewandowski LFV liga Liga BBVA Liga da Verdade Liga das Nações Liga dos Campeões Liga Europa Liga Inglesa Liga Nos 2014/15 Liga Nos 2015/16 Liga Nos 2016/17 Liga Nos 2017/18 Liga Orangina Liga Portuguesa Liga Portuguesa Futebol Profissional Liga Zon Sagres Liga Zon Sagres 2012/13 Liga Zon Sagres 2013/14 Ligue 1 Lima Lindelof Lionel Messi Lisandro López Liverpool Ljubomir Fejsa Londres 2012 Lopetegui LPFP Luís Figo Luís Filipe Vieira Luisão Maicon Man. City Man. United Manchester City Manchester United Mantorras Manuel Fernandes Maracanã Maradona Mário Wilson Marítimo Markovic Matic Maxi Maxi Pereira Medalheiro Melgarejo melhor marcador melhores golos 2013 melhores golos 2014 melhores golos 2015 melhores golos 2016 Mercado Mesquita Alves Messi Mexes México Miccoli Michael Jordan Mitroglou Modalidades Moreirense Mourinho Moutinho Mundial 2014 Mundial 2018 Mundial Clubes Museu Cosme Damião Nacional Nani Nápoles NBA Nélson Oliveira Newcastle Neymar Nike nº 10 No Name Boys Nolito novo contrato Nuno Espírito Santo Nuno Gomes O. Lyon Oblak Ola John Olegário Benquerença Olhanense Olheiro Olivedesportos Os três grandes Ozil Paços de Ferreira Pantera Negra Paolo Maldini Parceiros Paulo Bento Paulo Fonseca Pedro Proença Penafiel penalty Pepe Petardos Petit Phelps Ping Pong Pinto da Costa Pizzi PJ Platini Polvo Portugal Portugal Campeão 2016 Postiga pré-época Premier League Prémio Puskas PSG PSV Ramires Raúl González Raúl Meireles Real Madrid Recordes Red Pass Reforços Regulamentos 72 horas Rei Eusébio relatório contas Renato Sanches Ribery Rio Ave Riquelme River Plate Robben Roberto Carlos Rodrigo Rodrigo Mora Rojo Ronaldinho Ronaldinho Gaúcho Ronaldo Ronaldo vs Messi Rooney Rúben Amorim Rui Costa Rui Vitória Rússia SAD Salvio Samaris Saviola SCB Scholes Scolari SCP Seferovic Selecção Sérgio Conceição Sergio Ramos Serie A Sevilha Shevchenko Simão Sabrosa Sistema SL Benfica SLB Slimani sorteio Sport Lisboa e Benfica Sport tv Sporting Steven Gerrard Suárez sub-20 Suécia Suiça Sulejmani Super Maxi Supertaça Taça da Liga Taça da Liga Inglesa Taça das Confederações Taça das Nações Africanas Taça de Portugal Taça do Rei Tecnologia Golo Ténis Tévez The Best Tondela Toni Top 10 Torneio Toulon Tottenham Totti tragédia futebol Transferências Treino Triplete Twitter U. Leiria UEFA UEFA Champions League União da Madeira Urreta V. Guimarães V. Setúbal Valdés Valência Valentim Loureiro Van Persie vídeo-árbitro Vídeos/Golos Villas-Boas Vitor Baia Vítor Pereira Walcott Wesley Sneijder Witsel Xavi Xistra Zenit S. Petersburgo Zidane